PATRIOTAS TEM SEU PRÉ-CANDIDATO A PREFEITO NAS ELEIÇÕES DE 2020

Dailson Alves é mais um jovem que pretende lançar seu nome como candidato a prefeito de Navegantes nas eleições de 2020. Com 38 anos, Dailson é o 3° sargento do exército, morador do bairro Gravatá, casado e pai de duas filhas. Com posicionamento político de direita – que tem como princípio características mais conservadoras, dando prioridade aos direitos individuais, religiosos e familiares – organizou o partido Patriotas no município e aposta na nova política.

Jornal nos Bairros: O Patriotas também tem seu pré-candidato a prefeito em Navegantes?

Sargento Dailson: Sim, depois da reunião da executiva municipal e do alto pedido popular por novos nomes, decidimos consolidar um nome do partido Patriota 51 na cidade de Navegantes.

Jornal nos Bairros: Por que você quer ser prefeito de Navegantes?

Sargento Dailson: Tendo em vista o baixo desempenho dos governos, assim como indícios de corrupção e superlotação de cargos comissionados em administrações anteriores, nosso objetivo é transformar a política de Navegantes construindo um governo enxuto, eficiente e que devolva para a população seus impostos pagos em melhorias reais a cidade.

Jornal nos Bairros: O Patriotas terá em 2020 uma nominata para concorrer a majoritária?

Sargento Dailson: Sim, estamos com uma equipe engajada no crescimento do partido.
E também convidamos os moradores patriotas de nossa cidade a fazer parte de nosso grupo. Juntos cresceremos cada vez mais fortes, para conseguir a mudança que procuramos.
Jornal nos Bairros: O patriotas pretende fazer coligação com outros partidos ou vir com chapa pura?

Sargento Dailson: O Patriotas pretende sim coligar-se com outros partidos, porém somente com os que acompanhem nossa ideologia de direita. Já temos conversas muito próximas com dois partidos de direita e estamos buscando um terceiro, para termos uma chapa forte, única de direita em nossa cidade.

Jornal nos Bairros: Pesquisas recentes realizadas nas redes sociais mostram rejeição aos principais nomes na disputa para prefeito de Navegantes. Você acha que com isso poderá haver surpresas nas urnas?

Sargento Dailson: Com certeza. Depois da última eleição, na qual (o presidente) Jair Bolsonaro ganhou as eleições sem a máquina pública, temos a convicção que isso também poderá acontecer em nossa cidade. Inclusive, colocaremos um nome pelo apelo popular de mudança, Acreditamos na nova política, sem conchavos e sem o toma lã dá cá. Só podemos mudar essa cultura de esquemas com novas pessoas, comprometidas a fazer uma política limpa.

Jornal nos Bairros: Quais áreas da administração pública seriam suas prioridades? O que precisa ser feito para Navegantes crescer ainda mais?

Sargento Dailson: Temos que focar no básico, as prioridades são Saúde, Educação e Segurança, Trabalhar duro para dar ao povo navegantino excelência nestas três áreas. Depois que as necessidades básicas forem atendidas, iremos para outras pautas, dando destaque também à mobilidade urbana, não podemos deixar nossa cidade virar um caos como já estão Itajaí e Balneário Camboriú, no que diz respeito ao trânsito.

Jornal nos Bairros: Você não é conhecido no cenário político atual. Como você faria para mudar isso a praticamente um ano das próximas eleições?

Sargento Dailson: Estamos trabalhando forte nas mídias sociais e no boca a boca, trabalho de formiguinha, pois não usaremos o fundo eleitoral, o que somos totalmente contra, apresentar nosso trabalho de casa em casa e nas grandes redes com um trabalho sério e ético, assim como nosso presidente Jair Bolsonaro fez.

Jornal nos Bairros: Você acha que a ‘onda Bolsonaro’ ainda está alta – como aconteceu no cenário federal e estadual – e a população quer também uma mudança radical na política local?

Sargento Dailson: Com certeza, a velha política está destinada ao fracasso, o povo quer pessoas novas, com pensamentos patrióticos, e isso é quase impossível achar em velhos políticos. A onda Bolsonaro continua forte sim, quem acompanha a política nacional sabe que nosso presidente está fazendo o possível, para mudar a forma de governo do país, porém o que está travando muito o processo são exatamente os velhos costumes dos velhos políticos.

Jornal nos Bairros: Fale sobre suas principais ideias políticas para o crescimento de Navegantes.

Sargento Dailson: Minhas ideias para melhoria da cidade são: Enxugar a máquina pública – Nossa primeira atitude será secar, diminuir, cortar os gastos desnecessários na carne, extinção dos sub-prefeitos de bairros e outros cargos que julgamos desnecessários, cortar as mordomias dos políticos, entraremos para mudar o cenário atual. Quer trabalhar na prefeitura? Terá que ser produtivo e ganhar conforme produz ou será excluído e substituído. Vamos deixar o extremamente necessário para dar ao povo uma administração de qualidade. Vocês terão em nossa administração um governo voltado para o povo.

Saúde – Médicos em todos os postos de saúde da cidade no período integral (Programa Mais Médicos), terminar nosso hospital municipal e trazer novos equipamentos para o tratamento dos navegantinos, trazer médicos especialistas nos quadros mais comuns, como pediatra e cardiologista, ao fim montar uma UPA 24h, para poder desafogar nosso hospital.

Educação – Construção de novas escolas e creches para que a prefeitura economize em aluguéis. Despolitizar o cargo de diretoria dos mesmos, dando oportunidades aos mais preparados e que dão um retorno maior para a cidade. Trabalhar duro para equiparar o salário dos professores de Navegantes aos de Itajaí, não podemos ter uma cidade vizinha com uma diferença tão grande no salário.
Segurança – Trabalhar em conjunto ao Estado para buscar aumento no número do efetivo da Policia Militar, e criar pontos fixos estratégicos para conter os casos mais praticados. Buscar projetos que dão certo no país, exemplo a Operação Mãos Dadas.

Mobilidade Urbana – Contratar uma empresa especializada em grandes cidades para definir a melhor mobilidade para Navegantes, incluindo a fila do Ferry Boat, fila portuária para carga e descarga – nossos caminhoneiros não podem ser multados por querer trabalhar quando o porto está com um alto fluxo, Buscar parceria público-privada para construção de nossa ponte, pois nossa cidade não comporta mais o fluxo de veículos.

Empresas – Formar um grupo de pessoas experientes no assunto para dar atenção especial às empresas e desburocratizar o processo, facilitando quem quer investir em Navegantes, pois aí estará o aumento de ofertas de empregos que necessitamos.
Turismo – Trabalhar da mesma forma que Balneário e Piçarras no que diz respeito à faixa de areia, não podemos perder nossas praias, se outras cidades conseguem, nós também conseguiremos. Iremos trabalhar também para a construção de um Mercado Público Municipal.