ginástica artística navegantes

MÃES QUESTIONAM PROIBIÇÃO DE MENINOS NA ESCOLINHA DE GINÁSTICA EM NAVEGANTES

Atualizado 27 de Julho, 2021 por editora

A Ginástica Artística é uma das modalidades que estão encantando os Jogos Olímpicos de Tóquio, tanto no naipe feminino como no masculino. O atleta brasileiro Diego Hypólito não participa nessa edição, mas brilhou nas olímpiadas de 2016, no Brasil, onde conquistou a medalha de prata, virando inspiração para muitas crianças.

Em Navegantes, a Fundação Municipal de Esportes (FME) oferece escolinha de ginastica artística, no Galpão do Esporte, no bairro São Domingos. Inscrições foram abertas recentemente na faixa etária entre 5 e 12 anos de idade. No entanto, mães questionaram que ao tentar inscrever seus filhos, souberam que meninos não são aceitos.

Professora explica que há diferença nos equipamentos

O Jornal nos Bairros entrou em contato para saber porque a escolinha em Navegantes é aberta apenas para meninas. A professora Vanessa Franco Miranda, que é servidora efetiva 20 horas, explicou que há diferença nos equipamentos da ginástica destinados para atletas do naipe feminino e masculino. “A gente (FME) tem apenas materiais ou aparelhos femininos, não temos os masculinos”, justificou.

A Ginástica Artística Masculina compreende um conjunto de seis aparelhos: Solo, Cavalo com arções, Argolas, Saltos, Paralelas e Barra-fixa. Já a feminina são quatro: Trave, Solo, Salto sobre a mesa e Barras assimétricas.